Monarquicos.com Monarquicos.com Fórum Monarquicos.com Vdeos Monarquicos.com Adicionar aos Favoritos
Registar Registe-se neste Fórum (Gratuito)   Entrar Entrar no Fórum
Data: Seg Jun 17, 2019 15:20
Índice do Fórum : Espaço Cultural
Espaço da Poesia
Ir à página Anterior  1, 2, 3 ... 22, 23, 24 ... 33, 34, 35  Próximo

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Sex Dez 14, 2018 01:01     Assunto : Responder com Citação
 
Um lindo soneto de Sophia de Mello Breyner Andresen ...

Para Atravessar Contigo o Deserto do Mundo

Para atravessar contigo o deserto do mundo
Para enfrentarmos juntos o terror da morte
Para ver a verdade para perder o medo
Ao lado dos teus passos caminhei

Por ti meu reino meu segredo
Minha rápida noite meu silêncio
Minha pérola redonda e seu oriente
Meu espelho minha vida minha imagem

E abandonei os jardins do paraíso
Cá fora à luz sem véu do dia duro
Sem os espelhos vi que estava nua

E ao descampado se chamava tempo
Por isso com teus gestos me vestiste
E aprendi a viver em pleno vento.
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Sáb Dez 15, 2018 00:39     Assunto : Responder com Citação
 
Um lindo poema de Alexandre O’Neill...cantado por Amália Rodrigues...

“Gaivota”

“Se uma gaivota viesse
trazer-me o céu de Lisboa
no desenho que fizesse,
nesse céu onde o olhar
é uma asa que não voa,
esmorece e cai no mar.
Que perfeito coração
no meu peito bateria,
meu amor na tua mão,
nessa mão onde cabia
perfeito o meu coração.
Se um português marinheiro,
dos sete mares andarilho,
fosse quem sabe o primeiro
a contar-me o que inventasse,
se um olhar de novo brilho
no meu olhar se enlaçasse.
Que perfeito coração
no meu peito bateria,
meu amor na tua mão,
nessa mão onde cabia
perfeito o meu coração.
Se ao dizer adeus à vida
as aves todas do céu,
me dessem na despedida
o teu olhar derradeiro,
esse olhar que era só teu,
amor que foste o primeiro.
Que perfeito coração
no meu peito morreria,
meu amor na tua mão,
nessa mão onde perfeito
bateu o meu coração…”
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Seg Dez 17, 2018 00:41     Assunto : Responder com Citação
 
Um lindo poema de Ferreira Gullar...

Traduzir-se

Uma parte de mim
é todo mundo:
outra parte é ninguém:
fundo sem fundo.

Uma parte de mim
é multidão:
outra parte estranheza
e solidão.

Uma parte de mim
pesa, pondera:
outra parte
delira.

Uma parte de mim
almoça e janta:
outra parte
se espanta.

Uma parte de mim
é permanente:
outra parte
se sabe de repente.

Uma parte de mim é
só vertigem:
outra parte,
linguagem.

Traduzir uma parte
na outra parte
que é uma questão
de vida ou morte
será arte?
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Seg Dez 17, 2018 21:42     Assunto : Responder com Citação
 
Um belo soneto de Luís de Camões...

Correm Turvas as Águas Deste Rio

Correm turvas as águas deste rio
Que as do céu e as do monte as enturbaram;
Os campos florescidos se secaram;
Intratável se fez o vale, e frio.

Passou o verão, passou o ardente estio;
Umas cousas por outras se trocaram;
Os fementidos Fados já deixaram
Do mundo o regimento, ou desvario.

Tem o tempo sua ordem já sabida;
O mundo, não; mas anda tão confuso,
Que parece que dele Deus se esquece.

Casos, opiniões, natura e uso
Fazem que nos pareça desta vida
Que não há nela mais que o que parece.
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Sex Jan 18, 2019 22:35     Assunto : Responder com Citação
 
Um lindo poema de Sophia de Mello Breyner Andresen...

Sei que seria possível construir o mundo justo
As cidades poderiam ser claras e lavadas
Pelo canto dos espaços e das fontes
O céu o mar e a terra estão prontos
A saciar a nossa fome do terrestre
A terra onde estamos — se ninguém atraiçoasse — proporia
Cada dia a cada um a liberdade e o reino
— Na concha na flor no homem e no fruto
Se nada adoecer a própria forma é justa
E no todo se integra como palavra em verso
Sei que seria possível construir a forma justa
De uma cidade humana que fosse
Fiel à perfeição do universo
Por isso recomeço sem cessar a partir da página em branco
E este é meu ofício de poeta para a reconstrução do mundo

in "O Nome das Coisas"
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Dom Jan 20, 2019 00:23     Assunto : Responder com Citação
 
Um belo poema de Federico García Lorca...

Deixaria neste Livro
toda minha Alma.
Este livro que viu
as paisagens comigo
e viveu horas santas.

Que compaixão dos livros
que nos enchem as mãos
de rosas e de estrelas
e lentamente passam!

(…)
Ver a vida e a morte,
a síntese do mundo,
que em espaços profundos
se miram e se abraçam.

(…)
Livros doces de versos
são os astros que passam
pelo silêncio mudo
para o reino do Nada,
escrevendo no céu
as estrofes de prata.
Oh! que penas tão fundas
e nunca aliviadas,
as vozes dolorosas
que os Poetas Cantam!

Deixaria no Livro
neste toda a minha Alma...

in Poemas Esparsos
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Seg Jan 21, 2019 22:56     Assunto : Responder com Citação
 
De Pablo Neruda...

Tu eras também uma pequena folha
que tremia no meu peito.
O vento da vida pôs-te ali.
A princípio não te vi: não soube
que ias comigo,
até que as tuas raízes
atravessaram o meu peito,
se uniram aos fios do meu sangue,
falaram pela minha boca,
floresceram comigo.

in Cem Sonetos de Amor
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Seg Jan 21, 2019 22:58     Assunto : Responder com Citação
 
Um belo poema de Willian Ernest Henley...

Do Fundo desta Noite que Persiste
A me Envolver em Breu – Eterno e Espesso,
A qualquer Deus – se algum Acaso Existe,
Por minha Alma Insubjugável Agradeço…

Nas Garras do Destino e seus Estragos,
Sob os Golpes que o Acaso Atira e Acerta,
Nunca me Lamentei – e ainda Trago
A minha Cabeça – embora em Sangue – Erecta…

Além deste Oceano de Lamuria,
Somente o Horror das Trevas se Divide;
Porém o Tempo, a Consumir-se em Fúria,
Não me Amedronta, nem me Martiriza…

Por ser Estreita a Senda – eu não Declino,
Nem por Pesada a Mão que o Mundo Espalma;
Eu sou Dono e Senhor do meu Destino;
Eu sou o Comandante da minha Alma…

in INVICTUS
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Qua Jan 23, 2019 01:01     Assunto : Responder com Citação
 
Um belo poema de Fernando Pessoa sobre o sonho...que segundo uma citação do próprio: "Matar o sonho é matarmo-nos. É mutilar a nossa alma. O sonho é o que temos de realmente nosso, de impenetravelmente e inexpugnavelmente nosso."....e é verdade... Smile

De Fernando Pessoa

Entre o Sono e Sonho

Entre o sono e sonho,
Entre mim e o que em mim
É o quem eu me suponho
Corre um rio sem fim.

Passou por outras margens,
Diversas mais além,
Naquelas várias viagens
Que todo o rio tem.

Chegou onde hoje habito
A casa que hoje sou.
Passa, se eu me medito;
Se desperto, passou.

E quem me sinto e morre
No que me liga a mim
Dorme onde o rio corre —
Esse rio sem fim.

in Cancioneiro
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail

Beladona
Regente
Regente


Offline
Mensagens: 2322
Local: Algarve
Mensagem Enviada: Qui Jan 24, 2019 10:11     Assunto : Responder com Citação
 
De Carlos Drumond Andrade...

É preciso abrir todas as portas
que fecham o coração,
quebrar barreiras construídas
ao longo do tempo.
É preciso muita renúncia em ser
e mudança no pensar.
É preciso não esquecer
que ninguém vem perfeito para nós!
É preciso ver o outro com os olhos
da alma e se deixar cativar!
...
 
Voltar ao Topo
Ver o perfil de Utilizadores Enviar Mensagem Particular Enviar E-mail